Tag - Jesus

Jesus é amigo de gente ruim

Durante uma refeição na casa de Levi, muitos publicanos e “pecadores” estavam comendo com Jesus e seus discípulos, pois havia muitos que o seguiam.
Quando os mestres da lei que eram fariseus o viram comendo com “pecadores” e publicanos, perguntaram aos discípulos de Jesus: “Por que ele come com publicanos e ‘pecadores’? ”
Ouvindo isso, Jesus lhes disse: “Não são os que têm saúde que precisam de médico, mas sim os doentes. Eu não vim para chamar justos, mas pecadores”.
Marcos 2:15-17

Os religiosos sempre atacam e criticam atitudes diferentes a aquelas que eles estão acostumados a vivenciar. Jesus causou escândalo ao sentar a mesa para comer e beber junto com gente ruim.

Se Jesus andou com a escória, nego ruim…Nós também podemos, porém nunca se esquecendo que Ele não andava com eles para fazer as mesmas coisas que eles faziam – Levi por exemplo, que estava sentado nessa mesa junto com Jesus, era um cobrador de impostos, pessoa desonesta que cobrava imposto ilícito, enganava o governo e era odiado pelo povo -, mas como podemos ver nos Evangelhos, Jesus veio para trazer vida, perdoar, salvar, ensinar, etc.

Jesus veio para quem é zuado, lixo de pessoas, imprestáveis, detestáveis.

Jesus veio para você mentiroso, punheteiro, fofoqueiro, ladrão, rebelde sem causa, evangélico, católico, macumbeiro, muçulmano, judeu, gay, bêbado, estuprador, pedófilo, drogado, e corinthiano.

Ele é o único com autoridade para perdoar pecados, pois Ele foi o único a entregar-se na cruz por amor a esse monte de gente ruim e depois ressuscitar e viver eternamente na glória.

O outro lado da Parábola do Filho Pródigo

Como é de conhecimento de muitos, a Parábola do Filho Pródigo (Lucas 15:11-32) conta a história de um rapaz que decidiu levar a vida como bem entendia, então pediu sua parte da herança para seu pai e caiu no mundão atrás de diversão, prazeres e sabe-se Deus mais o quê. Um belo dia ele percebe que não tinha mais nada e estava passando por necessidades, chegando até mesmo a desejar comer a comida que os porcos se alimentavam e então num despertar retorna para a casa de seu velho, arrependido de seus atos.

Na parábola vemos que o pai feliz e compadecido com o retorno, manda matar um boi, trazer roupas boas, vinho (na história não tinha, mas creio que deviam ter tomado), anel e dar uma festança. Seu outro filho fica de mimimi reclamando para o querido papai que ele sempre esteve ao lado dele e nunca deu nada, já o filho que abandonou tudo e foi pra putaria, volta e ganha tudo do bom e do melhor.

O pai então diz que o filho sempre esteve ao seu lado e tudo que lhe pertence, também é dele, ou seja, se ele quisesse ter dado uma festa pros amigos, ele poderia ter dado, se ele quisesse um anel ou uma camiseta da Lacoste, ele teria, bastava pedir.

Dada a introdução com toda a história, vamos aos fatos para nós hoje em dia:

Quantas vezes ao invés de estarmos na pele do filho pródigo, não estamos na verdade na do irmão ingrato? Claro que muitas vezes nós caímos e somos deixados à mercê de nossos próprios desejos e paixões para que uma hora haja arrependimento, mas eu mesmo me pego com frequência reclamando ou não dando valor daquilo que Deus já me deu e disponibiliza pra mim a qualquer momento.

Quantas vezes nós deixamos de pedir algo pra Deus por falta de fé, preguiça, medo ou descaso? Em Mateus 7 está escrito que se pedirmos, receberemos, obviamente que o Pai não nos dará aquilo que não seja de Sua vontade, se nem mesmo o “cálice” ele afastou de Cristo, seu Filho unigênito, quanto mais para algo conosco, porém Ele diz para pedirmos, devemos sim ter discernimento naquilo que iremos pedir, mas devemos pedir.

No verso 29 da parábola, vemos que o irmão era um filho obediente, cumpria as ordens, seguia as Leis, jovem trabalhador…

Quantas vezes nós estamos vivos (ao contrário do filho pródigo no verso 32), somos obedientes, educados, seguimos as Leis, temos uma boa teologia e tudo mais, porém não nos satisfazemos com a melhor coisa que podemos ter: O Deus vivo em nós, nos abençoando e nos amando o tempo todo. Vivemos de maneira fria, sem nos relacionar e prestar honras e glórias a Deus, sabendo que temos seu Reino presente em nossas vidas.

Que Deus nos ajude a não sermos o irmão do filho pródigo, mas sim filhos fiéis e agradecidos por tudo aquilo que o Senhor já tem nos dado.

Sola Gratia!

Respostas da vida

Nos tempos em que eu não acreditava na existência de nenhum ser divino, busquei respostas em todos os lugares, basicamente tentava tirar água de pedra em busca de saber o sentido da vida, o pq que estamos aqui, de onde vim e pra onde vou. Porém em nenhum lugar encontrei respostas.

Um belo dia, Deus me chamou…junto a esse chamado, foi como se viesse de brinde um arquivo .zip, com um monte de informações e respostas, não todas, mas algumas delas.

Hoje eu sei que o sentido da vida é Jesus, pois Ele é o autor da dela e fomos feitos para louvor de Seu nome. Vim fruto de pecado, porém Ele me chama para ser eterno ao Seu lado.

Sola Scriptura – Somente a Escritura

Eu fico pensando com frequência sobre pastores que pregam doutrinas anti-bíblicas, doutrinas que jamais foram ditas por nenhum dos apóstolos (apóstolos de verdade) e muito menos por Jesus. Ao serem questionados de onde estão baseadas suas afirmações, dizem prontamente que é da própria bíblia ou até mesmo de revelações do Espírito Santo, mas obviamente que essas afirmações são falsas, afinal extraem versículos e passagens para confirmar aquilo que querem dizer, sem nenhuma base teológica. Leia Mais

As lágrimas de Deus por um filho rebelde

Boa tarde amigos, como vão vocês?

Estou bastante sumido por aqui né?! É que minha vida está uma correria daquelas, mas hoje mesmo sem ter muito tempo para escrever, vim aqui para dizer algo que está em meu coração.

Ontem no estudo bíblico que temos as quartas-feira lá na igreja, estudamos o capítulo 4 de Efésios. O que quero escrever aqui não é exatamente sobre o estudo que tivemos, mas sim sobre uma característica de Deus: A mansidão. Leia Mais

Devocional | Nem sempre podemos nos calar

Existem momentos na vida que é melhor manter a boca fechada para não falar besteira, existem outros que também é melhor manter a boca fechada, só que pra poder orar para que Deus toque em alguém e coloque a Sua vontade. Mas tem momentos em que não devemos nos calar e ficar parados.

Algo que muitos de nós temos passado ultimamente, é em ver coisas erradas dentro de igrejas, não quero nem entrar nesse assunto de igrejas que roubam, igrejas que pregam apenas a prosperidade, etc. Estou falando de igrejas que pregam um evangelho distorcido e não cuida dos irmãos, pior, quando o pastor não está cuidando de suas ovelhas.

Imaginem uma cena em que você frequenta a igreja X, mas vê a igreja Y passando por dificuldades a nível de vida e comunhão cristã. O que você faz? Como eu disse no começo do texto, ou você fica quieto para não falar besteira, ou fica quieto e ora por esse(s) irmão(s), ou vai até atrás desse alguém para aconselhar. Não que você seja o dono da verdade e o outro tá dizendo coisas erradas, mas irmãos, convenhamos, tem coisas que sabemos que não é de Deus pois não condiz com o que está escrito na bíblia.

Pois bem, você acha que não devemos nos “intrometer” na vida daquela igreja? Para começar, a igreja somos nós, aquilo que muitos conhecem como igreja, não passa de um templo construído por homens para ser um lugar de adoração (isso fica para um próximo post).

Irmãos, nós somos um em Cristo Jesus, Ele é o cabeça e nós somos membros do corpo. Não é porque você frequenta o templo A e eu o templo B que não devemos ter comunhão. Devemos sim, nos exortar uns aos outros. Se algo não está indo de acordo com a palavra do Senhor, vamos dar conselhos, conversar, exercer uma troca de opiniões e orar, principalmente orar juntos para que Deus toque no coração dessa pessoa.

É claro que ninguém gosta de quando alguém chega em nós e falam “você está fazendo isso, isso e isso errado” ou quando dizem que nós poderíamos estar fazendo melhor, mas isso muitas vezes é necessário para abrir os olhos de alguns e impedir (ou pelo menos tentar) de fazerem algo que não agrade ao Senhor. Todos nós somos seres humanos e estamos sujeitos a errar.

Precisamos deixar de ser hipócritas!

Você provavelmente já cantou o louvor Corpo e Família, um louvor bastante clichê nas igrejas, então reparem bem na letra dele, que por sinal é muito bonita e até arrisco em dizer que o mundo seria um lugar melhor se todos seguissem o que ele diz.

Recebi um novo coração do Pai
Coração regenerado, coração transformado
Coração que é ensinado por Jesus
Como fruto desse novo coração
Eu declaro a paz de Cristo
Te abençoo meu irmão
Preciosa é a nossa comunhão
Somos corpo, e assim bem ajustado
Totalmente ligado, unido
Vivendo em amor

Uma família sem qualquer falsidade
Vivendo em verdade
Expressando a glória do Senhor
Uma família vivendo o compromisso
Do grande amor de Cristo
Eu preciso de ti, querido irmão
Precioso és para mim, querido irmão

Prestem atenção irmãos, “preciosa é a nossa comunhão, somos corpos e assim bem ajustado, totalmente ligado, unido, vivendo em amor, uma família sem qualquer falsidade…”.

Será que é realmente difícil entender e viver isso? Vamos nos ajudar, vamos expressar a glória do Senhor através do amor que temos uns pelos outros.

Se a pessoa que você quer aconselhar é orgulhosa e cabeça dura, ore e tenha bom ânimo, pois Deus irá quebrantar o coração dela, Ele prepara todas as coisas quando é da vontade Dele.

Desculpem por não ter utilizado passagens bíblicas nesse texto, mas eu estou bastante inquieto em relação a isso que vim falar a vocês e estou no trabalho sem muito tempo livre para pesquisar. Espero que isso tudo que falei possa ter tocado em seus corações. E por favor, me repreendam, me exorte se falei alguma besteira que tenha fugido da palavra do Senhor.

Deus abençoe a todos.
Paz!